domingo, fevereiro 24, 2008

Neura


Olá amiguinhas!
Não sei se alguma vez comentei por aqui que o meu marido gosta de ir à caça...
Sempre que ele vai eu fico em total estado de neura... é incontrolável e só me apetece chorar...
Mas os homens têm destas coisas... é um excelente marido, um óptimo pai e um grande amigo, mas enfim, cada um com as suas manias.
Ainda não chegou e estou mesmo a ficar enervada...
Boa semana para todas e desculpem o desabafo.
Beijinhos grandes!

9 Comentários:

Blogger Framboesa disse...

Oh pah, sabes, eu não gosto nada de caça, por isso nunca passaria por essa tua situação pq o Mike nunca iria á caça...
Mas compreendo a tua preocupação...Olha, se é um hobbie dele tens que te acalmar mais, pq isso vai acontecer mais vezes...Vá, mais calminha sim?vai fazer uma daquelas bijuterias lindissimas para relaxares:-)))))

beijos muito , muito grandes
p.s. e desabafa sempre que precisares!
p.p.s. e vá lá que afinal n choveu a potes...quer dizer...choveu um cadinho a potes mas a coisa não foi a mais, quer dizer, não foi a rio :-)

fevereiro 25, 2008 9:51 da manhã  
Blogger Mishi disse...

Olá minha querida,

É verdade, há manias para tudo, e realmente esse não é dos melhores hobbies.. :/

Muita calma! :)

Beijinhos grandes

fevereiro 25, 2008 11:04 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Olá Bolota, como eu a compreendo!
Não é o meu marido, mas o meu pai que é um viciado em caça.
Desde que me conheço como gente que os fins-de-semana eram condicionados pela caça, e como a minha mãe ficava e fica furibunda...
Por isso também não simpatizo muito com o dito hobbie.
É melhor não se enervar com isso.
1 beijinho da espectadora do seu blog, Patrícia.

fevereiro 25, 2008 11:21 da manhã  
Blogger AB disse...

São vicios que tanto nos desagradam mas que eles teimam em manter. Eu também não gosto. Beijinho e boa semana.

fevereiro 25, 2008 4:59 da tarde  
Blogger Bolota disse...

Obrigado a todas pelo vosso apoio... Já passou...
Patrícia, se calhar é esse o problema, é que o meu pai tb foi e ainda é caçador e tb eu recordo a sua ausência nos fins-de-semana e o desagradável que era... daí o "trauma"... o pior disto tudo é que foi o meu pai que lhe "pegou" o vício!!!

Beijinhos para todas!

fevereiro 25, 2008 5:26 da tarde  
Blogger Diana disse...

Como eu te percebo,o meu marido foi caçador,deixou á mais ou menos 4 anos.Até aí tudo bem não se tivesse ele dedicado á pesca:( nenhuma das duas me parece normal,mas ele também não acha o ponto cruz normal:(
Beijinhos

fevereiro 26, 2008 12:16 da manhã  
Blogger Luazzinha disse...

:)
todas nós temos os nossos momentos de neura :)
eu acho que era incapaz de ir á caça, mas se ele gosta...
olha o blog é teu por isso desabafa á vontade :P
bjs

fevereiro 26, 2008 12:29 da tarde  
Blogger luxas disse...

Espero que tudo já tenha passado. O meu é viciado em futebol e já o meu pai era e continua a ser, tb sei como era a minha mãe ficava fula da vida, mas olha é mais um vicio. Ela já se habituou á situação e agora arranja sempre alguma coisa para fazer nessa altura.
Axo que devias fazer o mesmo, quando ele for á caça arranja algum passatempo para ti.

Beijos e espero que melhores, visita o meu cantinho

fevereiro 26, 2008 2:24 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Deixa lá. Não podes estar assim tão preocupada. Eles quando estão em actividades que lhes dão prazer nem se lembram de nada. O tempo passa, os telemóveis ficam no bolso dos casacos, no carro, e nós aqui...preocupadas. Depois....lá aparecem eles, como se nada tivesse acontecido.
Há que dar um desconto.
O teu tem a mania da caça. O meu...patuscadas com os amigos. Faz centenas de km para uma boa almoçarada. Muitas vezes também vou, mas já me chateia sempre as mesmas caras. Quando fico em casa e é inverno, nunca mais vejo a hora de ele entrar em casa. É uma preocupação constante!
E o meu filho.... "pranchar". Ainda hoje foi fazer o gosto à prancha!
Cada um tem os seus vícios.
E os dos nossoa maridos não são dos piores!
anima-te!
bom resto de semana

turbolenta

fevereiro 26, 2008 4:38 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial