quarta-feira, outubro 31, 2007

Magical Pieces! (29)

Orgulho em ser Português???... Nem por isso....




Eu e o meu marido, somos "daqueles" que quando estamos no estrangeiro, evitamos falar português. Pode parecer estranho, descriminatório, mas, infelizmente, quando se ouve um Português a falar, principalmente fora do seu país, onde pensa que está só e que ninguém o entende, só se conseguem ouvir os palavrões e os enormíssimos disparates que dizem...
Ontem, em conversa com o meu marido, recordámos um episódio "triste" que presenciei em Nova York... estávamos no famoso Macy's e o meu marido foi à casa de banho e eu fiquei por ali à espera numa zona tranquila onde se expunham variadíssimos tipos de chá. Como sou fanática por chá, fiquei ali a ver tudo com muita atenção até que... ouço o seguinte: "Oh pá, onde está a Graça?" resposta: "Foi ali mij..."....
Juro-vos, não queria acreditar... senti-me tão envergonhada... será que as pessoas, nós, Portugueses, não temos brio na nação? Não queremos causar boa impressão aos países que visitamos, temos de falar alto, dizer asneiras e mandar papeis para o chão???!!!
Orgulho em ser Português???... Nem por isso!

5 Comentários:

Blogger Framboesa disse...

Hummm...percebo o teu ponto de vista...Eu tenho orgulho em ser portuguesa porque acredito que os portugueses não são só os homens machões com a unha do dedo mindinho comprida nem as mulheres saloias de bigode...Apesar de nem sempre as pessoas agirem da melhor maneira, acho que o fazem porque são pessoas mal educadas e não especialmente por serem portugueses...também os ingleses fazem figurinhas tristissimas qd estão nas borgas no algarve e sul de espanha...e os americanos então...nem precisam de sair muito do país deles, mesmo nos estados unidos já assisti a episõdios do tipo que contas...

Eu n tenho vergonha de ser portuguesa porque não me considero representada por pessoas mal educadas e mal fomada...Quando estou no estrangeiro falo português com o meu marido porque não receio que me ouçam, percebes?Aliás, já por diversas vezes, ainda nas férias passadas aconteceu nas Bahamas, somos abordados por outras pessoas a perguntar que lingua estamos a falar poque é maravilhosa...e isso deixa-nos muito orgulhosos!...Tenho sim pena que essas pessoas mal educadas possam dar uma má imagem do nosso país...mas tal como disse, a minha opinião é q temm a ver com pessoas mal educadas, não pelo facto de ser ou não portugueses...
Mas percebo e respeito (claro)perfeitamnte o teu ponto de vista... :-)

Um bom feriado e um bom halloween
P.s.e q as coisas estejam melhores para ti :-)

outubro 31, 2007 11:36 da manhã  
Blogger turbolenta disse...

Muitas pessoas pensam que por não estarem em Portugal, ninguém as percebe.
Puro engano! Há Portugueses espalhados pelos 4 cantos do Mundo. Aliás, há mesmo alguns em que ao virar de cada esquina se ouve alguém a falar como nós.
Desde que vá com, pelo menos, outra pessoa, falo português.
E, pelo menos por 3 vezes já nos perguntaram, tal como à Framboesa, qual era a língua que falavamos.
Uma das vezes perguntaram se éramos Russas.Diziam que a fala era parecida...(talvez tenham razão porque Russos e Ucranianos têm muita facilidade em aprender a nossa língua).
Outra vez, estavamos calmamente a escolher umas peças numa loja de antiguidades em Paris, quando as donas, umas simpáticas velhotas, nos fizeram a mesma pergunta. Depois disseram: é bonita a vossa língua!
Falamos normalmente,sem asneiras nem berrarias, mas sem vergonhas!
Quem tem educação e princípios tem-nos em qualquer lado.

Agora, para ser franca, onde me sinto muitas vezes com bastante vergonha de ser Portuguesa é cá em Portugal.

Basta ir à Baixa lisboeta, pejada de turistas e olhar para o chão da nossa cidade. Tudo cheio de papéis,bilhetes de transporte velhos, garrafas vazias, beatas de cigarro, restos de tudo quanto é coisa...Uma vergonha!
Aí sinto que somos porcos,que não respeitamos o ambiente, que nos estamos a marimbar para todas as outras pessoas.
Tenho vergonha do estado deplorável em que se encontram a maioria dos espaços públicos, os jardins abandonados, o estacionamento que é um salve-se quem puder, a falta de respeito que se verifica entre os condutores,os peões que não respeitam o atravessar nas passadeiras, os animaizinhos domésticos(cães) que passam a vida a conspurcar os passeios e as relvas dos jardins, onde os nossos filhos quase nem podem brincar sem estarem sujeitos a apanhar alguma doença, sem que os donos se dignem limpar a porcaria que eles fizeram...
Isto sim deixa-me realmente muito envergonhada!
Devemos ser o país da Europa mais atrasado neste tipo de coisas.
E para não falar na má preservação do nosso património cultural.
Os monumentos estão mal conservados, mal aproveitados, muitas vezes fechados...(e quando estão abertos cobram um exagero pela entrada...)Aliás, muitas vezes pergunto para que serve o IPPAR.
Vou-me embora!
Já disse de minha justiça!

PS:
jÁ está aquilo.

bom feriado.

outubro 31, 2007 4:22 da tarde  
Blogger Doces Minhoquices disse...

Pois...a mentalidade de algumas pessoas ainda é muito "abestalhada", tipo, "quanto piores, melhores!!"
Eu estou naquela fase do low profile ( se calhar é da idade, atingi os entas...), não suporto vozes altas, gargalhadas estridentes, falta de chá, etc.
Por exemplo, detesto que "chinelem" ou arrastem os pés a andar, mexe logo com o meu sistema...desculpem, mas é verdade.
De facto, tudo é uma questão de educação e cultura.
Bjs.
Dulce

outubro 31, 2007 5:36 da tarde  
Blogger macati disse...

eu percebo... e ainda por cima ha sempre um portugues ao lado mesmo quando nao estamos à espera... mas isso nao desculpa os palavroes e a má educação!
bjnh

outubro 31, 2007 6:38 da tarde  
Blogger Branquinha disse...

Olá queirda Bolota! Eu discordo com a tua opinião. Aliás penso que há gente para tudo e a nossa cultura tem componentes boas e também componentes más. MAs no geral, por onde até hoje andei, comecei a dar valor ao facto de ser portuguesa, nao obstante todas as criticas que faço à educação do portugues. Beijos e bom feriado!

outubro 31, 2007 9:50 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial